31 de out de 2009

Revista da Hora-Cores fluor para o verão


A Adriana Alves é uma jornalista de beleza que faz juz à profissão!Sempre muito bem produzida.vejam como ela arrazou nesse dia do make fluor...

Que tal arrasar nessa produção com vários tons fluor para o verão?

-nos olhos eu fixei as sombras em pó com com lápis sombras conseguindo assim melhor definição e leitura da cor.
Na raíz dos cílios inferiores lápis,sombra e cílios laranja.
-e como já estava tudo colorido mesmo usei a regra:Cor combina com cor!-nos lábios batom rosa chiclete.

Nos cabelos fiz uma trança com gel para cabelos colorido na cor bronze e de efeito molhado.A modelo ficou ruiva em 1 minuto( e sai com uma lavagem normal).

28 de out de 2009

Marina Mantega

Eu,a Marina Mantega e a Andréia Lima Santana.Foi ótimo trabalharmos juntas e eu me impressionei com a tranquilidade e profissionalismo da Marina.

maquiagem para quem usa óculos

9 dicas de maquiagem para quem usa óculos


Patricia Zwipp
Getty Images

Armações coloridas pedem maquiagem mais leve


Se você faz parte do grupo que repete o trecho "Eu uso óculos", da música de Os Paralamas do Sucesso, não precisa ficar triste quando o assunto em questão é maquiagem. A ideia de que não combina com quem circula de armações está para lá de errada.


Em primeiro lugar, é interessante que o acessório se enquadre com seu estilo e formato de rosto. "Uma moça de pele muito clara com armação preta, por exemplo, fica com ar muito pesado, a não ser que isso reforce sua personalidade e estilo", disse a beauty artist Penélope Beolchi, Agência Opa! Hair.
Para não errar na produção, confira oito dicas listadas por Penélope e pela maquiadora Raphaella Bahia, da Clínica Longevitá:
1) Se tem miopia, a lente tende a deixar os olhos menores. Para dar a impressão de que são maiores, aposte em cores claras. Vale também um tom escuro no canto externo e um claro no centro. O contorno com lápis deve ser feito por fora.
2) No caso de quem precisa usar óculos por conta da hipermetropia, o olhar pode parecer maior. A forma de diminuir esse efeito é optar por cores escuras. O lápis deve ser usado na linha da lágrima.
3) Combine a maquiagem com o tipo de armação. Se for clássica, não fica bem fazer um make moderno, com cores vibrantes, por exemplo.
4) Caso a armação seja colorida, não caia na tentação de usar o mesmo tom nos olhos ou na boca. As alternativas para as vermelhas, por exemplo, são maquiagem nude (com tons próximos aos de pele) ou batom vermelho de tonalidade diferente, como tijolo ou amarronzado, para uma festa. Quem comprou óculos verde-limão pode brincar com outras cores tendências do verão, como laranja e rosa-chiclete.
5) Os óculos deixam as sobrancelhas em evidência. Por isso, não descuide delas. As profissionais recomendam apenas tirar os fios excedentes, sem afiná-las. Uma sombra clara é uma boa opção para valorizar a região acima da armação.
6) Para não esconder as expressões, opte por armações que não escondam as sobrancelhas. E evite usar franja comprida.
7) Use rímel para dar volume aos cílios e não para alongá-los. Assim, evita que borre a lente.
8) Tente não incrementar muito as bochechas e a boca, o que afasta a possibilidade de criar vários focos de atenção no rosto e sobrecarregá-lo.
9) Na hora de comprar os óculos, esteja com a maquiagem habitual. Dessa forma, já confere o efeito que terá.
Especial para Terra

14 de out de 2009

Revista Crescer -Horta - fotos :Marlos





Cansei de ser Boazinha

Oi pessoal!

Na semana passada eu assisti uma Palestra oferecida pelo CRM da Suara Bastos com o título:

Palestra - BYE BYE BOAZINHA


Duração aproximada: 1 h 30 min.

Descrição: Ser boa é ótimo, mas ser "boazinha" muitas vezes significa...esquecer de si mesma. Este esquecimento, pode minar com a auto-estima e com o amor-próprio, influenciando diretamente as nossas realizações.
Potencialize suas qualidades, aprimorando o auto-conhecimento.
Acredite e invista nos seus sonhos!
Alcance seus objetivos e sua auto-realização!

1 - Bye Bye "Boazinha"
Compreendendo este papel.
* Em que pé estamos, como, e por que chegamos até aqui?
* Quando comecei a esquecer de mim?
* Por quê continuar assim?
* O quê ganhamos sendo "boazinhas", e o que deixamos de ganhar?
2 - O processo de Mudança
Desenvolvendo e utilizando novos recursos.
* Auto-aceitação / auto confiança;
* Desenvolvendo nossa capacidade de enfrentar e vencer conflitos;
* Reatando laços interiores. Olhando o passado para modificar o futuro;
* Processos decisórios que influenciaram quem sou hoje;
* Medo/Inibições;
* Sentimento de culpa. Tem cura?
3 - A transformação
Dicas práticas.
* Conhecendo e potencializando habilidades e as boas qualidades;
* Aprimorando os próprios argumentos;
* Utilizando a frase mágica e tomando posse de seu poder;
* Modelo feminino de sucesso.

Quem se interessar pode buscar o link

http://www.suara.com.br/index.php


12 de out de 2009

Make Nude










A Beauty artist Penélope Beolchi dá dicas para uma make nude perfeita
O look nude é a sensação do momento. Presente em nove entre dez desfiles da temporada de verão, o look é versátil e pode ser usado no dia a dia ou em eventos à noite.
De aparência leve e clara, o make nude é uma das tendências para o Verão 2010, com tons de rosa, bege, marrom e nuances bem claras na cor vinho – o objetivo é o de criar um look extremamente natural. O rosado e o bege são os tons ideais para compor um look nude de mulheres de pele branca e para as orientais, já os tons de marrom e vinho são perfeitos para as mulheres morenas e negras. Esse tipo de maquiagem pode ser usado tanto de dia quanto à noite e com qualquer cor de roupa. “A impressão que se tem é que não está se usando nada, mas com um aspecto saudável e bonito”, explica a beauty artist Penélope Beolchi.
O nude requer uma pele bem-feita, com transparência e naturalidade. Por isso, quanto melhor a qualidade da pele, melhor o resultado do make: é indicado preparar a pele com um hidratante antes da aplicação da maquiagem ou com uma base bem leve.
Se o interesse é ir para a balada ou para eventos mais sofisticados, como festas e casamentos, o truque é destacar os olhos, intensificando o efeito esfumaçado da sombra e as camadas de máscara para os cílios. A boca para noite também pede mais glamour e, por isso, Penélope indica a aplicação de um gloss ou microglitter para compor o visual.
Acompanhe o passo-a-passo criado pela Beauty Artist Penélope Beolchi, para uma make nude perfeita.
Passo 1 – Limpar a pele
  • Limpeza da pele em movimentos circulares com demaquilante.
  • Retirar com água em abundância ou algodão umedecido em água.
Passo 2 – Fazer a cobertura
  • Aplicar corretivo no tom da pele ou um tom mais escuro sobre as olheiras, cantos do nariz e da boca.
  • Aplicar uma base levemente mais bronzeada do que o tom da pele no centro do rosto "puxando" o produto para as laterais de maneira que quando chegar perto da raiz dos cabelos, o produto já sumiu.
  • Aplicar pó facial.
Passo 3 - Olhos
  • Fazer o contorno de sobrancelhas, preenchendo as falhas com lápis cor de café com leite ou marrom.
  • Aplicar a sombra nas pálpebras. Para esse efeito, Penélope usou a sombra da linha Renew, da Avon, cor Marron. Além de dar um efeito lifting, ela ajuda a fixar a outra sombra.
  • Cobrir toda a pálpebra com sombra dourada sem usar iluminador abaixo das sobrancelhas.
  • Molhar um pincel de sombra em água e usar uma sombra cor de café, como contorno em toda a volta dos olhos, ou seja, na raiz dos cílios superiores e inferiores.
  • Finalizar os olhos com uma máscara para cílios de volume. Deixe secar alguns minutos e cubra com uma máscara preta. A máscara Up Lifting, a prova d´água, da Avon é perfeita para este look.
Passo 4 – Boca
  • Fazer o contorno da boca com um lápis da cor do batom.
  • Aplicar gloss ou batom.
  • Para finalizar o make, a beauty artist usou o blush cremoso em bisnaga da nova linha tropical, da Avon, espalhado com a ponta dos dedos.
Sobre Penélope Beolchi
A beauty artist Penélope Beolchi é uma profissional antenada e curiosa, com mais de 19 anos de trabalho no universo da beleza e moda, sempre investindo em pesquisas de tendências e na atualização profissional. Além dos trabalhos realizados para campanhas publicitárias, Penélope tem produzido editoriais de moda, beleza e comportamento para revistas como Gloss, Boa Forma, Manequim, Corpo a Corpo, Época, TPM, Men´s Health e Vogue Jóias. Na edição do SPFW (junho/2008), ela participou das equipes que cuidaram dos looks nos desfiles das grifes Forum (make) e Ellus (hair). Penélope ainda mantém um blog, onde coloca posts sobre seu trabalho, eventos e tendências:www.penelopebeolchi.blogspot.com

10 de out de 2009

INTERPRETAÇÃO PARA TV E CINEMA AULAS PRÁTICAS

INTERPRETAÇÃO PARA TV E CINEMA
AULAS PRÁTICAS


O projeto terá como foco o naturalismo, o trabalho no cinema exige uma atenção diferenciada do ator, olhar, movimentos, respiração, emoção, expressão corporal, concentração, voz.
A proposta inclui o conceito de cinema instantâneo, com a criação de pequenas situações dramáticas a partir dos exercícios realizados, para posterior gravação, exibição e estudo das experiências filmadas.

PÚBLICO ALVO
Pessoas interessadas em seguir a profissão de ator, na TV e no Cinema, apresentadores de TV.

OBJETIVOS
Preparar o artista para seleções e apresentações de seus trabalhos.

Objetivo
Filmes, seriados, novelas. televisão e publicidade.
O Espaço foi preparado para exercícios de corpo, voz e interpretação.
Apresentação pessoal
Buscar emoção para cena
Complexidade do papel e suas emoções
Concentração
Criatividade
Dicção
Ensaios no set
Expressão corporal
Ética e mercado
Expressão facial
Faremos exercícios
Ganhar cena
Gráfico de emoções
Importância do elenco de apoio
Improvisação
Interpretação visual
Leitura de texto
Lição de casa
Material de trabalho
Movimentando em cena
Pensar e agir como a personagem
Posicionamento e apresentação em seleções
Processo de criação do personagem
Respiração


DURAÇÃO: Dois meses
HORÁRIOS: Quintas das 15:h00min as 18h00minhs.
INÍCIO: 22/10/2009
Valor R$ 260,00 mês
Endereço do Curso
Consolação

Sobre a idealizadora

A paulistana Sandra Camillo é atriz, cineasta, escritora e radialista, já participou de diversos trabalhos para o teatro, cinema e tevê. Dirigiu seriados infanto-juvenis, como a ‘Casa das Letras’, filmes como ‘Olheiros do Futebol’ e ‘Origens da Cabala’, entre muitos outros. Além disso, confeccionou roteiros para cinema, foi responsável pela seleção e direção de elenco de mais de 30 filmes no Brasil e no exterior, e já escreveu mais de 10 livros destinados ao público infantil.

INSCRIÇÕES E MAIORES INFORMAÇÕES:
(11) 4508-4395 / 7855-4395
Email: assessoriacarlamanga@gmail.com

Visite Revista Podcultura em: http://revistapodcultura.ning.com

7 de out de 2009

Rev. Crescer -making of

Vocês sabem,foi uma semana cheia de crianças...rssss!E nesse dia em que fotografamos a matéria de primavera verão da Revista Crescer começamos bem cedo.às 7 00hs já estávamos saindo da Ed. Glogo e viajando para Cotia.
Galochas lindas,tem pra adulto também?Paisagem bucólica,será que vai chover?
O Marlos nem pensa e já se "joga" no chão.
Verduras e frutas frescas.



Tudo pronto para ir para o Ceasa em SP.


A lívia e o marlos conversam:-será que o tempo abre?
Um penteado bem primaveril.


A Fátima produziu:verduras,regadores,água.mais água:-meninas parem de brincar estão gastando toda a nossa água!Uma tora de madeira,uma modelo moradora local porque a nossa faltou.Ufa!O que mais?Ah...lógico um trator...ligar os regadores automáticos,lá do outro lado.Claro.


A Lívia no meio das modelos parecia mais uma menina.
Nossa modelo nativa arranjada de última hora!

Foi um dia perfeito...tiranado a insolação da equipe.

Inclusão Digital - foto: Serapião

6 de out de 2009

Lei Maria da Penha e Instituto AVON


A Lei Maria da Penha, sancionada em agosto de 2006, é uma lei muito especial. Foi criada não só para punir, mas para que ocorram processos jurídicos que protejam a integridade física e psicológica da mulher e inibam novos casos. Ela foi batizada em homenagem a uma vítima real da violência doméstica: a cearense Maria da Penha Maia, que ficou paraplégica após levar um tiro do marido enquanto dormia. Ela lutou por mais de 20 anos para que ele pagasse pelo crime. Com a nova lei, a violência doméstica contra a mulher passou a ser um crime com penas mais severas e passou a existir a prisão em flagrante do agressor, assim como a prisão preventiva, caso a mulher esteja sendo ameaçada.

Outra contribuição da lei é a criação de várias medidas preventivas, como a saída do agressor do domicílio, a proibição de que se aproxime da vítima e até o encaminhamento para abrigos. Além disso, o juiz pode determinar o comparecimento obrigatório do agressor a programas de recuperação e reeducação.

Muita coisa mudou também em relação ao processo. As investigações também passaram a ser mais detalhadas, inclusive com depoimentos de testemunhas – antes, o crime de violência doméstica era julgado em juizados de esfera menor, junto com causas como briga de vizinho e acidentes de trânsito.

Conheça a Lei Maria da Penha para poder contribuir ainda mais!

http://www.planalto.gov.br/CCIVIL/_Ato2004-2006/2006/Lei/L11340.htm


O Instituto Avon foi criado em 2003, com a missão de direcionar o investimento social da Avon no Brasil, mantendo como foco principal a mulher e suas necessidades.

A campanha Fale Sem Medo – não à violência doméstica, lançada no ano passado e já com resultados importantes para a causa foi lançada pela Avon e o Instituto que conhecem a força da mulher como promotora de mudanças, de laços solidários, de desenvolvimento.

Sabem que qualquer pessoa fortalecida, com saúde, dignidade e respeito pode ir mais longe, alçar vôo e manifestar seu potencial.

Por isso é inaceitável que muitas mulheres, por falta de informação e de acesso a serviços, tenham suas potencialidades barradas.

Trata-se, então, de promover ações informativas que possam mudar para melhor o cenário onde se encontram, buscando o equilíbrio e o respeito entre pessoas de todos os gêneros, origem, cor de pele, crença.

Dessa forma, os direitos humanos são respeitados e a sociedade ganha.

Fale Sem Medo – não à violência doméstica - AVON

O Instituto Patrícia Galvão em parceria e com apoio do Instituto Avon realizou nova pesquisa de opinião, em fevereiro de 2009, sobre as percepções da população adulta brasileira a respeito da violência contra as mulheres.

O campo da pesquisa nacional foi realizado pelo Ibope

Inteligência e a análise e apresentação dos resultados foram feitas pela Perfil Urbano Pesquisa & Expressão, com a colaboração de Fátima Pacheco Jordão.



METODOLOGIA


Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais.

Objetivo geral Levantar a opinião dos brasileiros sobre violência contra a mulher

Local da pesquisa Brasil

Universo População com 16 anos ou mais

Período de campo 13 a 17 de fevereiro de 2008

Dimensionamento 2002 entrevistas

Margem de erro O intervalo de confiança é de 95%, e a margem de erro máxima é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

Confira alguns dados interessantes sobre a pesquisa ou acesse o site:www.falesemmedo.com.br Para conhecer o estudo na íntegra.

AGENDA DE PREOCUPAÇÕES FEMININAS


  • vViolência contra a mulher em casa
    vO problema da AIDS e o crescimento da AIDS entre as mulheres
    vViolência contra a mulher e assédio sexual fora de casa
    vFormas de evitar filhos
    vDoenças como câncer de mama e útero

    v Legalização do aborto

    VIOLÊNCIA CONTRA MULHER PERMANECE COMO A PRINCIPAL PREOCUPAÇÃO DAS BRASILEIRAS

    A percepção sobre a agenda de preocupações femininas continua a mesma, confirmando a tendência histórica.

    Esta pesquisa, no entanto, capta certo deslocamento nos temas prioritários.

    Isso fica especialmente evidente quando observamos as tabelas de 1ª menção das preocupações imputadas às mulheres versus aquelas que mostram os dados aglutinados em 1ª, 2ª e 3ª citações.

    A violência contra mulher, por exemplo, mantém-se como a principal preocupação no cômputo geral. No entanto, o tema da AIDS fica em primeiro lugar quando observada a 1ª menção.




    55Na sua opnião, o que mais leva uma mulher a continuar numa relação na qual é constantemente agredida fisicamente ou verbalmente pelo companheiro?

    • 5FFalta de condições econômicas para viver sem o companheiro 24%

Preocupação com a criação dos filhos 23%

Medo de ser morta caso rompa a relação 17%

Falta de auto-estima 12%

Vergonha de admitir que é agredida/apanha 8%

Vergonha de se separar 6%

Dependência afetiva 4%

Acha que tem a obrigação de manter o casamento 4%

PARA AS MULHERES AGREDIDAS QUE PERMANECEM NA RELAÇÃO COM AGRESSOR, PERCEPÇÃO É DE FALTA ALTERNATIVA

Perguntados sobre as razões das mulheres continuarem na relação com o agressor, fica evidente a percepção de que as mulheres são reféns dessa condição.

A falta de condição financeira desponta como principal razão (24%), seguida da preocupação com a criação dos filhos (23%) à que não deixa de ter um forte componente econômico.

Porém mais grave é a terceira razão, com 17% das indicações, em que se prevê o medo das mulheres de serem mortas após rompimento da relação com agressor.

De fato, as estatísticas mostram que o número de assassinato de mulheres é altíssimo no Brasil.

Bem Vindo ao Blog da Penélope Beolchi!

Nesse Blog posto muitas pesquisas sobre assuntos de beleza, técnicas e novos produtos.
Para trabalhos e cursos entre em contato com minha agência que terá o prazer de atender prontamente sua solicitação.

Opa! Hair

http://opahair.4ormat.com
11 3171-0401
penelope.beolchi@gmail.com

Rua Apeninos, 689, Paraíso
São Paulo-SP
Ocorreu um erro neste gadget

Postagens populares

Total de visualizações de página