25 de nov de 2009

Lei contra a homofobia – Isso SIM é problema seu!

A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.(http://pt.wikipedia.org/wiki/Homofobia)

A Constituição Federal brasileira define como “objetivo fundamental da República” (art. 3º, IV) o de “promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade, ou quaisquer outras formas de discriminação[4]. A expressão "quaisquer outras formas" refere-se a todas as formas de discriminação não mencionadas explicitamente no artigo, tais como a orientação sexual, entre outras.

Cartaz da Parada do orgulho LGBT de São Paulo, edição 2008, que teve como tema a homofobia.

O Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/2006[5], atualmente em tramitação no Congresso[6], propõe a criminalização dos preconceitos motivados pela orientação sexual e pela identidade de gênero, equiparando-os aos demais preconceitos já objeto da Lei 7716/89[7]. Esse projeto foi iniciado na Câmara dos Deputados, de autoria da deputada Iara Bernardi e que ali tramitou com o número 5003/2001[8], que na redação já aprovada propunha, além da penalização criminal, também punições adicionais de natureza civil para o preconceito homofóbico, como a perda do cargo para oservidor público, a inabilitação para contratos junto à administração pública, a proibição de acesso a crédito de bancos oficiais, e a vedação de benefícios tributários[9].

Segundo pesquisa telefônica conduzida pelo DataSenado em 2008 com 1120 pessoas em diversas capitais, 70% dos entrevistados são a favor da criminalização da homofobia no Brasil. A aprovação é ampla em quase todos os segmentos, no corte por região, sexo e idade. Mesmo o corte por religião mostra uma aprovação de 54% entre os evangélicos, 70% entre os católicos e adeptos de outras religiões e 79% dos ateus.(http://pt.wikipedia.org/wiki/Homofobia)


Acesse agora o site do Senado clicando aqui.

|

Desça a página e procure no lado direito pela opção: Enquete e vote em SIM e digite o número de confirmação, que significa que você é a favor da aprovação da lei.

Não podemos deixar a homofobia vencer mais esta!

Vote, divulgue e LUTE, porque isso sim é um verdadeiro problema SEU e de todas nós.

5 comentários:

  1. E os negros, judeus, nordestinos e deficientes não tem o mesmo direito então ou só os homossexuais tem direito?

    justo não?

    ResponderExcluir
  2. Cocordo inteiramente com você,Gabriel!
    Mas gostaria de lembrar que existem homossexuais de todas as cores,raças e credos.
    Essa foi a primeira vez que toquei no assunto de discriminação contra homossexuais,solidária à causa e principalmente porque sabemos que muitos profissionais que trabalham na área de beleza são gays.
    O que eu já falei inúmeras vezes aquí no blog é sobre discriminação e violência contra a mulher...
    "A mulher é o negro do mundo. A mulher é a escrava dos escravos. Se ela tenta ser livre, tu dizes que ela não te ama. Se ela pensa, tu dizes que ela quer ser homem."
    John Lennon

    ResponderExcluir
  3. Quanto a questão feminina já é outra história, assumo que sou meio conservador pra prefiro uma mulher to tipo amélia, acho que o homen deve cuidar, guiar e proteger a mulher, a mulher se dedicar ao bem estar da familia, tenho muitas amigas poderosas e tenho um grande respeito por elas.

    mulheres e homens não são iguais, homens são lógicos e racionais, as mulheres se guião pelos sentimentos eu acho que isso que difere os dois.

    eu trabalho com T.I e as mulheres aqui não ficam devendo em nda para os homens creio que o desempenho seja até melhor.

    mas pra casar quero uma amélia, ela cuida da familia e eu saio pra caçar Mamutes de 10 toneladas :-)

    ResponderExcluir
  4. A Lei Contra Homofobia é de extrema importância sim, vivemos num país em que os diversos preconceitos são velados, camuflados, e, continuamos vivendo essa hipocrisia, em que comentários e piadinhas contra gays, negros, nordestinos, mulheres e judeus são sempre engraçadas! Pos isso, discordo do Gabriel, as minorias devem unir forças, e não criticar lutas ou conquistas já feitas dos grupos marginalizados que correm atrás de seus direitos!

    ResponderExcluir
  5. Minorias, Unir forças, bla bla bla...

    Sou negro e pobre, cresci ouvindo essas piadinhas, mas numca fiquei chorando não precisei de nenhuma lei para as pessoas me respeitarem, minha postura e competencia fazem isso as pessoas devem ser respeitadas pelo que elas são, não importa se é homossexual, negro, judeu, ou qq coisa que seja.

    qualquer um que se de ao respeito e será respeitado.

    Não concordo com o que você pensa, mas respeito teu direito de ter uma opnião diferente.

    ResponderExcluir

Voce gostou?Tem perguntas?Faça seu comentário:

Bem Vindo ao Blog da Penélope Beolchi!

Nesse Blog posto muitas pesquisas sobre assuntos de beleza, técnicas e novos produtos.
Para trabalhos e cursos entre em contato com minha agência que terá o prazer de atender prontamente sua solicitação.

Opa! Hair

http://opahair.4ormat.com
11 3171-0401
penelope.beolchi@gmail.com

Rua Apeninos, 689, Paraíso
São Paulo-SP
Ocorreu um erro neste gadget

Postagens populares

Total de visualizações de página